Matas Legais oportuniza visita técnica a estudantes de economia

ago 8, 2017 | Matas Legais, Notícias

No último dia 28 de julho, cerca de 35 alunos do Curso de Especialização em Economia Ambiental: Valoração, Licenciamento, Auditoria, Educação e Perícia, da Universidade Estadual de Londrina (UEL), acompanhados da Professora Dra. Irene Domenes Zapparoli, realizaram uma visita técnica no âmbito do Projeto Matas Legais.

O Projeto Matas Legais, uma parceria da Apremavi com a Klabin, tem como objetivo desenvolver ações de conservação, educação ambiental e fomento florestal, que ajudem a preservar e recuperar os remanescentes florestais nativos, a melhorar a qualidade de vida da população e a aprimorar o desenvolvimento florestal, tendo como base o planejamento de propriedades e paisagens.

Estudantes do Curso de Economia Ambiental durante visita técnica. Foto: Arquivo Apremavi.

Com o objetivo de mostrar como o Projeto Matas Legais trabalha a conservação e a restauração nas áreas de implantação de silvicultura no sistema de Fomento Florestal, atrelados aos princípios da Educação Ambiental, foi realizada uma visita a uma das propriedades da empresa SLB do Brasil (Grupo de investimento Francês), localizada no município de São Jerônimo da Serra (Paraná). A empresa SLB do Brasil faz parte do Grupo de Produtores do Médio Rio Tibagi (GPMT4) de Certificação Florestal FSC e compõe o Projeto.

Faz parte da política da empresa SLB do Brasil contribuir com a conservação dos recursos naturais, e através disso apresentar para a sociedade, instituições e universidades um pouco do trabalho que desenvolvemos no dia-a-dia. Para nós é um prazer agregar conhecimento na formação dos acadêmicos e futuros profissionais” comentou Juarez Marinhesky, Engenheiro Florestal e Gerente da Empresa.

 

Matas Legais oportuniza visita técnica a estudantes de economia. Foto: Arquivo Apremavi.

Autores: Maurício Reis e Carolina Schaffer

Pin It on Pinterest

Share This